sábado, 6 de dezembro de 2008

bem-me-quer/ malmequer

É sempre difícil resistir a um sorriso cativante;
a um abraço carinhoso e envolvente;
áquela pele quente e sedosa;
áqueles lábios molhados pedindo um beijo;
O mais difícil mesmo é resistir ao olhar que sem soltar uma palavra diz tudo!
Mas é sempre assim...queremos o impossível, o inalcansável,
não pela falta de retribuição de vontades, mas pelas prórias impossibilidades.
É um não poder maior que ele!
É a responsabilidade e respeito, e isso não se pode ignorar.
No entanto, fica aquela vontade de sempre querer mais.
Fica aquele desejo não realizado.
Talvez um só beijo bastasse pra acalmar todo um furacão.
Ou talvez aumentasse esse querer arrebatador do coração.
Mas o fato é que pelo menos um beijo teria sido dado, seria único e infindado!

2 comentários:

Srta Dornela disse...

É, disse tudo "queremos sempre o impossível, o inalcansável" ... Ai ai que sina!!! Hehehehe.

Lô Dornela disse...

Ô tratante,
Apesar de vc ter evaporado e não atualizar isso daqui... Tem um selo no meu blog para vc!

Bjão.